WO2014028994A1 - Máquina distribuidora de produto a lanço com sistema de nebulização de líquido e pulverizador - Google Patents

Máquina distribuidora de produto a lanço com sistema de nebulização de líquido e pulverizador Download PDF

Info

Publication number
WO2014028994A1
WO2014028994A1 PCT/BR2013/000315 BR2013000315W WO2014028994A1 WO 2014028994 A1 WO2014028994 A1 WO 2014028994A1 BR 2013000315 W BR2013000315 W BR 2013000315W WO 2014028994 A1 WO2014028994 A1 WO 2014028994A1
Authority
WO
WIPO (PCT)
Prior art keywords
machine
liquid
spraying
distribution
system
Prior art date
Application number
PCT/BR2013/000315
Other languages
English (en)
French (fr)
Inventor
Mateus Marrafon NICOLOSI
Marco Antonio GANDOLFO
Pedro Marrafon NICOLOSI
Original Assignee
Nicolosi Mateus Marrafon
Priority date (The priority date is an assumption and is not a legal conclusion. Google has not performed a legal analysis and makes no representation as to the accuracy of the date listed.)
Filing date
Publication date
Priority to BR102012021462A priority Critical patent/BR102012021462B1/pt
Priority to BRBR1020120214628 priority
Application filed by Nicolosi Mateus Marrafon filed Critical Nicolosi Mateus Marrafon
Publication of WO2014028994A1 publication Critical patent/WO2014028994A1/pt

Links

Classifications

    • AHUMAN NECESSITIES
    • A01AGRICULTURE; FORESTRY; ANIMAL HUSBANDRY; HUNTING; TRAPPING; FISHING
    • A01CPLANTING; SOWING; FERTILISING
    • A01C21/00Methods of fertilizing, sowing or planting
    • AHUMAN NECESSITIES
    • A01AGRICULTURE; FORESTRY; ANIMAL HUSBANDRY; HUNTING; TRAPPING; FISHING
    • A01CPLANTING; SOWING; FERTILISING
    • A01C17/00Fertilisers or seeders with centrifugal wheels
    • A01C17/001Centrifugal throwing devices with a vertical axis

Abstract

A presente invenção se refere a um impleménto agricola para a distribuição de produtos, em pó líquidos de forma concomitante. O objetivo da presente tecnologia e reduzir a deriva de material particulado durante a distribuição a campo; para isso o equipamento còntá com uma caçamba (20) que possui em seu fundo uma esteira (49) que conduz os insumos granulares até, um distribuidor, rotativo (25), instalado conjuntamante a um tanque reservatório, de líquidos (02) que possui uma bomba (52) para condução da água pressuriza via mangueiras até bicos de pulverização (31 ) montados em uma barra (71 ).

Description

MÁQUINA DISTRIBUIDORA DE PRODUTO A LANÇO COM SISTEMA DE NEBULIZAÇÃO DE LÍQUIDO E PULVERIZADOR

CAMPO DA INVENÇÃO

A patente de invenção diz respeito a máquina para o setor agrícola para distribuição de produto sólido, pó ou grão a lanço com nebulização de líquido, sendo que esse líquido elimina a deriva do produto garantindo a sua aplicação no local correto, evitando a contaminação do operador e do ambiente. A máquina agrícola realiza a aplicação de produto e também atua como um pulverizador.

FUNDAMENTOS DA INVENÇÃO

Originalmente os solos da maioria das regiões agrícolas do Brasil e do mundo apresentavam níveis de acidez e de fertilidade impróprios para o cultivo da maioria das espécies vegetais produtoras de grãos, fibras e energia e também de algumas espécies forrageiras de interesse económico. A inclusão destes solos no processo de produção intensiva somente foi possível a partir do momento em que foi desenvolvida e colocada à disposição dos agricultores tecnologia para corrigir a acidez e deficiências nutricionais dos solos. Neste contexto, as máquinas para a distribuição de calcário ou adubos em áreas que seriam utilizadas para o cultivo comercial de culturas económicas tiveram um papel de relevante importância no desenvolvimento da Agricultura Brasileira.

Tomando como exemplo o calcário as doses recomendadas variavam entre 2 até 12 toneladas por hectare cultivado, dependendo das características do solo e da cultura a ser implantada. As operações de preparo do solo sequenciado a aplicação do calcário auxilia na sua distribuição dentro do perfil do solo. Esta mobilização periódica do solo também encobria possíveis falhas na distribuição do calcário pelas máquinas distribuidoras. Considerando que o sistema de manejo do solo atualmente em vigor "plantio direto" não inclui mobilizações intensivas do perfil do solo, e que a dose usual de calcário é sensivelmente definida para cada cultura agrícola, aumenta a importância de atentar para a qualidade da distribuição do calcário na superfície do solo, tendo em vista também a reduzida mobilidade do calcário no perfil do solo.

Outro problema encontrado na agricultura é a necessidade de adubação em período de chuva, pois o adubo jogado debaixo da saia do café, logo que dá a primeira chuva desce para as raízes da planta. Existem muitas tecnologias alternativas para adubação em máquinas, mas para a penetração do adubo no solo é necessário que ele seja irrigado.

A partir deste ponto de vista, o estudo das máquinas para distribuição de calcário das suas regulagens e dos cuidados de seu manejo assume relevante importância para a sustentabilidade da agricultura.

ANTECEDENTES DA INVENÇÃO

O desenvolvimento tecnológico no Brasil na área de agricultura, especialmente implementos para distribuição de calcário é bastante concreto como apresenta neste relatório.

O documento de patente brasileiro MU6702727-0, intitulado como DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA EM DISPOSITIVOS DISTRIBUIDORES DE FERTILIZANTES E CALCÁRIO EM GERAL DE SOLOS SOBRE AGRICULTURA, é aplicada em dosador dotado de aberturas acopladas a respectivos bocais de saída, e no interior do qual, é previsto eixo longitudinal, cujas extremidades se interligam às rodas de tração; coincidindo com as aberturas, o eixo recebe a fixação de três lâminas, com secção em "U" estilizado, cujos ramos fixador de elementos elásticos entre os ramos de lâminas adjacentes. O eixo desse equipamento é tipo rosca sem fim e realiza a distribuição por queda do calcário, utilizando apenas a força da gravidade, além da movimentação desse eixo está ligada na movimentação pela roda. Outro documento de patente brasileiro PI8702186-2 intitulado como DISTRIBUIDOR DE CALCÁRIO E ADUBOS E FERTILIZANTES E PRODUTOS AFINS, compreende um implemento agrícola de tração mecânica, puxado por tratores de pneus através de acoplamento, idealizado para serem usado no serviço de correção de solos ou mais precisamente na distribuição de calcário, adubos, fertilizantes e produtos afins. O eixo desse equipamento provido de hélices entre os passos de realiza a distribuição por queda do calcário, utilizando apenas a força da gravidade, além da movimentação desse eixo está ligada na movimentação pela roda. É provido de recipientes que aumentam a carga para a distribuição.

O documento de patente brasileiro PI9303883-6, intitulado como DISTRIBUIDOR DE CALCÁRIO QUE TEM UMA FUNÇÃO DE DISTRIBUIR HOMOGENEAMENTE COMO PARTÍCULAS DE CALCÁRIO POR GRAVIDADE ATRAVÉS DE ESTEIRA- TRANSPORTADORA (CORRENTE DE ROLOS), refere-se a um sistema de distribuição de calcário por gravidade através de um conjunto esteiras transportadora (corrente de rolos) diretamente ao solo, proporciona a distribuição homogénea (por tamanho) das partículas de calcário. O dito distribuidor é constituído de uma caixa de transporte de calcário, de esteira transportadora (corrente de rolos) dotada de rodas dentadas fixadas em eixo de acionamento, de regulador de quantidade, de redutor de velocidades, montados num chassi e sobre rodas, sendo que o conjunto será tracionado por trator. Esta patente apresenta um implemento agrícola para distribuição de calcário por gravidade. É provido de esteira para movimentação e distribuição do calcário. A desvantagem deste tipo de implemento está na área de aplicação limitada pelo tamanho do implemento.

O documento de patente brasileiro PI9403736-1 , intitulado como DISTRIBUIDOR DE CALCÁRIO, refere-se a um implemento destinado tanto a instalação de implementos novos como a substituição em implementos já em uso, notando-se a presença de um kit independente, constituído de batedor provido de aletas e acionado por pistão hidráulico, que gira em torno do seu próprio eixo. Esse equipamento é provido de sistema realiza a distribuição gravitacional e desagregação do calcário.

O documento de patente brasileiro MU8502164-4, intitulado como APERFEIÇOAMENTO CONSTRUTIVO INTRODUZIDO EM EQUIPAMENTO AGRÍCOLA DO TIPO DISTRIBUIDOR DE CALCÁRIO OU MATÉRIA ORGÂNICA APLICADO NA PREPARAÇÃO DO SOLO PARA PLANTIO DE CULTURAS DIVERSAS, refere-se a um equipamento usado para fertilização de solo, que agrega melhoria de produtividade com qualidade e redução de custos fixos, sendo que para tal foi desenvolvido um conceito construtivo evolutivo junto ao equipamento de distribuição, onde de forma inédita se fez introduzir um componente rolo de distribuição, formado de um eixo de rotação principal ao qual se faz distribuir em, todo seu contorno elementos canaletas onde para a obtenção de uma distribuição homogénea foi idealizado ainda um componente mexedor no fundo do componente silo. Esse equipamento é provido de sistema de distribuição gravitacional realiza a desagregação do calcário. A movimentação do implemento é realizada por tratores e fica suspenso pelo hidráulico.

O documento de patente brasileiro PI0403971-8, intitulado como DISTRIBUIDOR DE CALCÁRIO TRANSVERSAL, refere-se a um implemento provido de uma nova forma de construção dos distribuidores de calcário e outros produtos agrícolas. Trata-se de um sistema mecânico constituído por um conjunto de três máquinas de características iguais em uma, alcançando uma largura de trabalho de no mínimo 9 (nove) metros, e propiciando para o seu transporte a formação de um comboio entre as máquinas, cuja montagem se faz através do acoplamento do cabeçalho de arraste de uma máquina ao rabicho traseiro da outra, e assim sucessivamente. O implemento possui eixo interligado nas rodas que distribuem o calcário por gravidade. Esse implemento permite a interligação com vários implementos do mesmo tipo para aumentar a área de aplicação do calcário.

O documento de patente norte-americano US2012126040, intitulado como POWERLESS DOUBLE-DISTRIBUTION PANS FERTILIZER DISTRIBUTOR, refere-se a um sistema de distribuição de adubo realizado por disco de distribuição com movimentação giratória independente.

OBJETIVO DA INVENÇÃO

A máquina desenvolvida possui sistema de distribuição de produtos por lances realizados por discos de distribuição (25) providos de uma ou mais aletas (24), e baseia-se seu funcionamento na lei da força centrífuga para lançar o produto em um raio de aplicação. A movimentação do disco (25) é realizada por motor hidráulico independente (65) que movimenta em circulação os mesmos. A esteira (49) para movimentação utilizada na máquina apenas movimenta a carga até as calhas direcionas ou bicas (36) que direcionam o produto para os discos de distribuição (25). Essa distribuição por ação da força centrífuga permite uma faixa maior de cobertura, ou seja, o produto aplicado por lances abrange uma área de cobertura maior que a largura do equipamento. A desagregação do produto na máquina agrícola é realizada pela calha triangular (19) disposta superiormente á esteira para movimentação da carga.

A movimentação da máquina agrícola é realizada por tração por trator, e autopropelidas, no caso o sistema é todo adaptado para acoplar no chassi (70) de caminhões onde é atribuído um sistema hidráulico para o funcionamento correto da máquina. Nesta disposição a máquina é construída em proporções adequadas para o caminhão e fixada no chassi do implemento. A máquina é diferente de todos os implementos e máquinas agrícolas para distribuição de produtos "pó", pois possui um sistema de nebulização que elimina a formação de deriva heóíica ou poeira com a aplicação da névoa de líquido.

Outra solução inovadora para a agricultura está relacionada com a adubação sequenciada com nebulização ou irrigação do adubo facilitando a entrada no solo. A adubação realizada com esse implemento agrícola dispensa totalmente a necessidade de chuva para a adubação, pois é provido de um sistema de nebulização que ajuda o adubo a penetrar no solo até as raízes das plantas. Esse sistema de nebulização irriga o adubo lançado facilitando a dissociação e ação.

SUMÁRIO DA INVENÇÃO

A presente invenção se refere a uma máquina agrícola para a distribuição de produtos sólidos classificado como pó, a lanço realizado por discos de distribuição com funcionamento baseado na lei da força centrífuga para lançar o produto em um raio maior de aplicação. O funcionamento dessa máquina agrícola pode ser realizado pelo motor hidráulico do trator quando arrastada por um, ou possuir seu próprio sistema hidráulico no caso de ser uma máquina autopropelida e também pode ser acionada por sistema de cardam. É provido de esteira para alimentação dos discos e auxiliar na distribuição do pó ou grãos e um sistema de calhas triangular que realizam a desagregação do pó na nova máquina agrícola.

Diferente de todos os implementos e máquinas agrícolas utilizadas na mesma aplicação a máquina agrícola ora reivindicado é provida de um sistema de nebulização de líquido, esse líquido elimina a deriva do produto garantindo a sua aplicação no local correto e evita a contaminação do operador e do ambiente. Outro diferencial é a presença das barras de aplicação de líquido o que dão a função de pulverizador Dara as diversas culturas. BREVE DESCRIÇÃO DOS DESENHOS

Para se obter uma total e completa visualização da MÁQUINA DISTRIBUIDORA DE PRODUTO A LANÇO COM SISTEMA DE NEBULIZAÇÃO DE LÍQUIDO E PULVERIZADOR, objeto de patente de invenção, acompanham os desenhos aos quais se fazem referências conforme segue abaixo:

Figura 01 - Vista perspectiva com destaque frontal e lateral esquerda do implemento.

Figura 02 - Vista perspectiva com destaque posterior e lateral esquerda do implemento.

Figura 03 - Vista perspectiva com destaque para a lateral direita do implemento.

Figura 04 - Vista perspectiva com destaque posterior e lateral direita do implemento.

Figura 05 - Vista lateral esquerda do implemento.

Figura 06 - Vista Frontal do implemento.

Figura 07 - Vista Lateral direita do implemento.

Figura 08 - Vista posterior do implemento.

Figura 09 - Vista inferior do implemento.

DESCRIÇÃO DETALHADA DA INVENÇÃO

O presente relatório descritivo de patente de invenção descreve um distribuidor de produtos sólidos, especializados na aplicação de produtos classificados como pó, a lanço tal como calcário, com sistema de nebulização de líquidos, distribuição de produtos sólidos ou grânulos a lanço e pulverizador com aplicação na agricultura. A máquina (01 ) agrícola é fabricada em materiais como metal, plásticos e compósitos. A nova máquina agrícola é provida de um sistema que elimina totalmente a deriva significativamente contaminação do operador bem como permite a aplicação no local desejado. Essa máquina pode ser arrastada por tratores, montada em chassis de caminhões ou autopropelidas.

A máquina agrícola é provida de um reservatório de líquido (02), o qual está localizado na parte anterior da máquina (01 ) suspenso por um suporte metálico (05). Esse reservatório (02) armazena o líquido suficiente para a aplicação do produto lançado, portanto seu tamanho é proporcional ao tamanho da caçamba (20). Para que o operador possa se limpar de uma possível contaminação a máquina é provida de um reservatório de água limpa (03) independente localizado na parte anterior da máquina agrícola.

O reservatório é provido de uma entrada (45) para abastecimento com trava (46), essa entrada é provida de um filtro que realiza a filtragem de líquido a ser aplicado. A alimentação do sistema de nebulização e pulverização é realizada por uma bomba d'água (52) localizada na parte inferior da máquina agrícola sobre um suporte estrutural (48). Essa bomba (52) alimenta o sistema através de mangueiras (31 ) que permitem a alimentação simultânea dos bicos de pulverização e nebulização (14).

A máquina agrícola (01 ) possui um sistema de movimentação hidráulico que pode utilizar o hidráulico do trator conectando com a mangueira (08) ou pode ter seu próprio sistema hidráulico quando for autopropelida. O abastecimento do sistema hidráulico é realizado pelo óleo ou fluido hidráulico armazenado no reservatório (06) que é impulsionado por um motor hidráulico localizado na parte inferior da máquina. Esse óleo do sistema hidráulico é 100% filtrado após o ciclo de movimentação, essa filtragem ocorre previamente ao retorno ao reservatório de óleo e é realizada por um filtro (13). Para abastecimento do óleo o reservatório (06) é provido de uma tampa (50) que permite a adição de óleo ou fluido de alimentação do sistema hidráulico. Quando a máquina é arrastada por um trator o chassi (70) da máquina é provido de um engate padrão (07) para o travamento com o trator. Esse engate (07) possui uma base triangular ou cabeçalho (09) que liga o engate ao chassi (70) da máquina. O chassi (70) da máquina é provido de um sistema de rodas (16, 33) tipo truck (34) para distribuição igual da carga nas rodas (16, 33), esse sistema de movimentação está ligado ao eixo que permite a substituição por rodas com diâmetro maior.

A movimentação da carga, produto, até os discos de distribuição (25) é realizada por uma esteira (49) que movimenta o pó ou o grão até a calha de distribuição direcionada (36) para distribuição localizada na parte posterior da máquina (01 ), acima dos discos giratório de distribuição (25). Essa calha de distribuição ou bicas (36) direciona o produto pó ou grão até os discos giratórios (25) que por sua função realiza a distribuição do calcário por ação da força centrífuga. Essa distribuição por lances de pó normalmente gera muita deriva, poeira, no ambiente e pode causar contaminação do operador e do ambiente, porém a nova máquina é provida de um sistema que durante o lance do pó realiza uma nebulização com líquido eliminando totalmente a deriva do produto lançado.

Esse sistema para nebulização e/ou pulverização e/ou irrigação é composto por uma bomba d'água (52) que impulsiona o líquido do reservatório até a extremidade das barras (71 ) de irrigação através de mangueiras (31 ). Essas mangueiras de irrigação (31 ) são providas de bicos (14) dispostos ao longo das barras de irrigação (71 ) com jato equivalente entre os bicos (14). Esses bicos (14) possuem geometrias comuns usadas em máquinas convencionais de pulverização ou irrigação ou nebulização.

Os bicos para pulverização e nebulização (14) estão dispostos simetricamente nas barras de pulverização ou nebulização (71 ). As barras (15, 71) são preferencialmente manufaturadas em perfil tubular que pode ser em metal, plástico ou materiais compósitos para redução do peso da barras. Esses bicos (14) realizam a pulverização ou nebulização e estão conectados uns aos outros por mangueiras (31 ) que conduz o líquido do reservatório impulsionado com pressão pela bomba d'água (52) localizada na parte inferior da máquina.

O eixo entre as rodas (68) da máquina é provido de uma regulagem de bitola que permite aumentar a distância lateral entre as rodas (16, 33), cuja regulagem é dotada de um eixo telescópico regulável. Essa regulagem permite a adaptação de rodas (16, 33) com diâmetros maiores e também possibilita a regulagem de bitola de acordo com o espaçamento entre linha ou fileira de cada cultura.

A caçamba (20) armazena o produto, pó ou grão, para lanço que são movimentados através de uma esteira (49) até as calhas de distribuição direcionada (36) sobre os discos giratórios (25). Para que não haja sobrecarga na esteira (49), a caçamba (20) é provida de uma calha triangular (19) centralizada longitudinalmente no interior da caçamba (20) "acima da esteira". Essa calha (19) permite que o material a ser lançado deslize até a esteira (49) e assim movimentado até os discos de distribuição (25) pela esteira. Esta calha (19) está fixada através da grade disposta inferiormente à calha denominada suporte da calha (18) e também por um suporte central (55) que impedem a incrustação do produto a ser lançado.

O pórtico (54) de movimentação está diretamente ligado no chassi (70) através de um suporte (27) localizado na parte inferior e estabilizado por hastes dispostas em "X" (54) e fixadas na parte superior do pórtico (54). Esse pórtico (21 ) é provido de um carro-guia (41) e duas guias de movimentação linear (29, 42). A movimentação do pórtico (21 ) é realizada por um pistão hidráulico (28) e comandado por alavancas do próprio trator ou por alavanca adaptadas próxima ao operador.

As barras de pulverização (15, 71 ) estão ligadas no pórtico (21 ) otrawóe Ho um 01 ΙΓΊ ΗΏ /*¾0\ Fccac arr c mn imontam nor /· Π O nara baixo através de um pistão (28) e sistema de cabo (43) e polia (63). Essa movimentação permite regular a nebulização ou pulverização de acordo com cada tipo de cultura. Para maior área de pulverização ou nebulização as barras (15, 71 ) são providas de um comprimento grande, porém durante a locomoção da máquina as barras são dobradas e retraídas junto ao corpo da mesma. Para que haja essa retração das barras é provida de dobradiça (22, 11 ) e roldanas (23, 12) que impedem a deformação da mangueira (31 ). As barras (15, 71) são providas de engate do bico (30) de pulverização ou nebulização ou irrigação permitindo a troca ou substituição rápida dos bicos (14).

A barra de pulverização ou nebulização (32) possui movimentação tanto na horizontal, de abertura e fechamento, e vertical de elevação e abaixamento. Essa movimentação de abertura e fechamento é permitida por um uma haste de movimentação (71 ) ligada aos pistões laterais (39) da máquina. Esta haste (71) de movimentação realiza a movimentação horizontal de abertura e fechamento das hastes de pulverização ou nebulização para aumentar a área pulverizada ou nebulizada.

A distribuição do produto sólido, pó ou grão é realizada por discos giratórios (25) dispostos na parte posterior da máquina (01 ). Esses discos (25) são providos de paletas (24) dispostas simetricamente nos quadrantes do disco (25) e realizam o lance do produto utilizando na lei da força centrífuga. Esses discos (25) possuem motores hidráulicos (65) alimentados pelo óleo do reservatório (06) impulsionado pelo motor hidráulico (60) da máquina e transportado por mangueiras (26, 66). Esses discos estão fixados no chassi (70) através de um suporte (27).

O eixo (51 ) do chassi (70) da máquina (01 ) é provido de regulagens de largura com diferença de bitola que permite a regulagem de acordo com o plantio e cultura.

A máquina (01) é provida de um suporte estrutural (37) onde são fiv lno nc

Figure imgf000013_0001
Ho ikarli iro a fechamento das hastes de pulverização ou nebulização (71 ). Os pistões de abertura e fechamento (38) das barras de pulverização são acionados pelo operador através do sistema hidráulico que pode ser da própria máquina ou do trator. Esses pistões são alimentados por mangueiras (69) que transportam o óleo ou o fluido impulsionado pelo motor hidráulico (60).

As barras de pulverização (71) estão ligadas ao pórtico (21 ) através de suporte das barras (39) disposto simetricamente na máquina. Esse suporte (39) é reforçado e movimenta juntamente com o pórtico (21 ) para que a pulverização seja realizada na altura correta de cada cultura. Para a nebulização ideal e eliminação da deriva, poeira, gerada pela distribuição do pó a barra de pulverização (71 ) é posicionada na altura superior do pórtico (21 ) ou na extremidade inferior do mesmo (21).

O pórtico de movimentação vertical (21 ) é provido de um carro de movimentação (41 ) e de um suporte (40) que realiza a movimentação simétrica das barras (42, 29) durante a movimentação de pulverização ou nebulização. O pórtico de movimentação vertical (21 ) é provido de duas hastes verticais (42, 29) onde o carro (41 ) realiza a movimentação linear vertical guiada. A movimentação é realizada por um pistão hidráulico (28) que está conectado a um sistema de cabo (43) e polia (63).

O reservatório de líquido (02) é provido de um bico de alimentação (44), tampa (45) e trava (46) da tampa. A tampa de alimentação (45) do reservatório (02) é provida de uma trava (46) que impede a abertura da tampa (45) durante a aplicação de líquido, preferencialmente, água. Para a alimentação de agroquímicos o reservatório (02) é provido de um bico de alimentação (44) onde é despejado o líquido para pulverização química ou orgânica.

Para controle de estiramento da esteira (49) a máquina é provida de um monobloco de regulagem (10) de pressão. A máquina (01) é provida de um suporte (48) para o motor hidráulico (60) e bomba d'água (52) localizado na parte inferior. Esse suporte (48) fixa e estabiliza o motor hidráulico (60) e a bomba d'água (52).

Para a movimentação da carga a máquina é provida de uma esteira (49) disposta no interior da caçamba (20). Essa esteira (49) possui movimentação por motor hidráulico (92) ligado ao rolo (64) que movimenta a mesma. A esteira (49) é provida de um sistema que controla a velocidade da mesma garantindo a dose correta do produto.

O chassi (70) da máquina é reforçado e provido de para-choque traseiro (53) que tem a função de evitar que a lama advinda do contato das rodas (16, 33) com o solo prejudique o funcionamento dos discos giratórios (25).

A máquina é provida de acessórios como reservatórios (02, 03, 06), caçamba (20), calha triangular (19), barras de pulverização ou nebulização

(71 ) , calha de distribuição direciona ou bicas (36), discos giratórios de distribuição (25), esteira para movimentação da carga (49), pistões (28, 38) para movimentação das barras (71 ), motor hidráulico (60) e bomba d'água (52) para nebulização.

O óleo do sistema hidráulico fica armazenado em um reservatório (06), este óleo ou fluido realiza o funcionamento da máquina e retorna ao reservatório filtrado (06). O óleo ou fluido retorna por uma mangueira de retorno (61 ) após passar pelo filtro (59) alimentado por uma mangueira

(72) e entra novamente ao reservatório pela entrada de retorno (57).

A caçamba (20) é confeccionada em chapas de materiais como metal, plásticos ou materiais compósitos reforçada com barras laterais (62) que aumentam a resistência da caçamba (20), bem como impedem a deformação lateral da mesma com aplicação de carga.

Os discos de distribuição (25) são movimentados através de motores hidráulicos (65) que giram os discos em velocidade apropriada para a distribuição do pó ou grão. Esses motores hidráulicos são movimentados por mangueiras (28, 66) de alimentação dos motores dos discos (25).

De acordo com a descrição apresentada neste relatório a nova máquina pode ser fabricada em diferentes tamanhos e proporções para atender a demanda de utilização tanto para um pequeno como grande produtor agrícola. Portanto a nova máquina pode ser arrastado, montada em um chassi de caminhão como também pode ser autopropelida.

Claims

REIVINDICAÇÕES
1 - MÁQUINA DISTRIBUIDORA DE PRODUTO A LANÇO COM SISTEMA DE NEBULIZAÇÃO DE LÍQUIDO E PULVERIZADOR, é caracterizada por distribuir produtos sólidos, grânulos ou pó, a lanço seguido de névoa de líquido, água ou calda, que elimina a deriva heólica, poeira, com aplicação no local correto sem contaminação do operador e do ambiente, sendo que a movimentação da carga, produto sólido, pó ou grânulos, que está no interior da caçamba (20) até aos discos de distribuição é realizada por uma esteira (49) que movimenta o pó ou o grão até a calha de distribuição direcionada ou bicas (36) localizada na parte posterior da máquina (01 ), acima dos discos giratórios de distribuição (25); essa calha de distribuição (36) direciona o pó ou grão até os discos giratórios (25) dispostos na parte posterior da máquina (01 ), sendo providos de paletas (24) dispostas simetricamente nos quadrantes do disco (25) e realizam o lance do produto utilizando da lei da força centrífuga advinda dos motores hidráulicos (65) alimentados pelo óleo do reservatório (06) impulsionado pelo motor hidráulico (60) da máquina e transportado por mangueiras (26, 66), cujos discos estão fixados no chassi (70) através de um suporte (27); o sistema para nebulização e/ou pulverização e/ou irrigação é composto por uma bomba d'água (52) que impulsiona o líquido do reservatório até a extremidade das barras (71 ) de irrigação através de mangueiras (31 ) providas de bicos (14) dispostos ao longo das barras de irrigação (71 ) com jato equivalente entre os bicos de aspersão (14), cujos bicos (14) estão dispostos simetricamente nas barras de pulverização ou nebulização (71 ) e estão conectados uns aos outros por mangueiras (31 ) que conduz o líquido do reservatório impulsionado com pressão pela bomba d'água (52) localizada na parte inferior da máquina.
2 - MÁQUINA DISTRIBUIDORA DE PRODUTO A LANÇO COM SISTEMA DE NEBULIZAÇÃO DE LÍQUIDO E PULVERIZADOR, de acordo com a reivindicação 1 , caracterizada pelas barras de pulverização ou nebulização (71 ) com bicos de aspersão (14) de líquidos, possuindo movimentação de elevação, abaixamento, abertura e fechamento movimentado por pistão hidráulico (28), ligado ao sistema de cabo (43) e polia (63).
3 - MÁQUINA DISTRIBUIDORA DE PRODUTO A LANÇO COM SISTEMA DE NEBULIZAÇÃO DE LÍQUIDO E PULVERIZADOR, de acordo com a reivindicação 1 , caracterizada por ser provido de reservatórios (02, 03, 06) onde é possível armazenar separadamente água limpa, água ou calda para pulverização ou nebulização e óleo ou fluido do sistema hidráulico.
4 - MÁQUINA DISTRIBUIDORA DE PRODUTO A LANÇO COM SISTEMA DE NEBULIZAÇÃO DE LÍQUIDO E PULVERIZADOR, de acordo com a reivindicação 1 , caracterizada por possuir uma calha triangular (19) na base da caçamba (20).
5 - MÁQUINA DISTRIBUIDORA DE PRODUTO A LANÇO COM SISTEMA DE NEBULIZAÇÃO DE LÍQUIDO E PULVERIZADOR, de acordo com a reivindicação 1 , caracterizada por possuir um chassi (70) com eixo telescópico para regulagem e afastamento entre as rodas (16, 33) e sistema truck (34).
6 - MÁQUINA DISTRIBUIDORA DE PRODUTO A LANÇO COM SISTEMA DE NEBULIZAÇÃO DE LÍQUIDO E PULVERIZADOR, de acordo com a reivindicação 1 , caracterizada por ser arrastada, montada e autoprolelida, podendo ser adaptada em uma carroceria de caminhão ou carreta.
PCT/BR2013/000315 2012-08-22 2013-08-21 Máquina distribuidora de produto a lanço com sistema de nebulização de líquido e pulverizador WO2014028994A1 (pt)

Priority Applications (2)

Application Number Priority Date Filing Date Title
BR102012021462A BR102012021462B1 (pt) 2012-08-22 2012-08-22 máquina distribuidora de produto à lanço com sistema de nebulização de líquido e pulverizador
BRBR1020120214628 2012-08-22

Publications (1)

Publication Number Publication Date
WO2014028994A1 true WO2014028994A1 (pt) 2014-02-27

Family

ID=50149298

Family Applications (1)

Application Number Title Priority Date Filing Date
PCT/BR2013/000315 WO2014028994A1 (pt) 2012-08-22 2013-08-21 Máquina distribuidora de produto a lanço com sistema de nebulização de líquido e pulverizador

Country Status (2)

Country Link
BR (1) BR102012021462B1 (pt)
WO (1) WO2014028994A1 (pt)

Citations (3)

* Cited by examiner, † Cited by third party
Publication number Priority date Publication date Assignee Title
US4352463A (en) * 1979-01-18 1982-10-05 Leisure Lawn, Inc. Motorized combination wet and dry lawn treatment spreader
US4955538A (en) * 1989-10-04 1990-09-11 Erbaugh Corporation Applicator and method for the delivery of granular and liquid products to turf areas
US5333795A (en) * 1993-10-21 1994-08-02 Jessen Thomas F Granular and liquid treatment material spreader

Patent Citations (3)

* Cited by examiner, † Cited by third party
Publication number Priority date Publication date Assignee Title
US4352463A (en) * 1979-01-18 1982-10-05 Leisure Lawn, Inc. Motorized combination wet and dry lawn treatment spreader
US4955538A (en) * 1989-10-04 1990-09-11 Erbaugh Corporation Applicator and method for the delivery of granular and liquid products to turf areas
US5333795A (en) * 1993-10-21 1994-08-02 Jessen Thomas F Granular and liquid treatment material spreader

Also Published As

Publication number Publication date
BR102012021462A2 (pt) 2014-07-01
BR102012021462B1 (pt) 2020-04-07

Similar Documents

Publication Publication Date Title
EP2753163B1 (en) Tilling apparatus
CA2838531C (en) Implement carrier with steerable tracks
US9883668B2 (en) Self propelled agricultural application machine
EP0631717B1 (de) Anbauhäcksler mit Breitverteileraustrag für Stroh-/Spreu-Gemisch für/an einem Mähdrescher
AU2011235946B2 (en) Air cart metering system
US7775168B2 (en) Apparatus and method for the injection of viscous fertilizer below the surface of the soil
EP2353355B1 (en) Metering assembly for an air seeder
AU2014200400B2 (en) Air seeder apparatus
CA2955823C (en) Land roller
CA2570241C (en) Access assembly between adjacent product storage tanks on a planting implement
US4927080A (en) Field spraying device
US7469915B2 (en) Access assembly to adjacent product storage tanks on a planting implement
US3515315A (en) Combined seed and fertilizer drills for agricultural use
US20170190275A1 (en) Bulk material unloading and distribution
FI87297C (fi) Foerfarande foer att anvaenda ett utbredningsorgan till att breda ut material oever en yta samt utbredningsorgan foer att utfoera foerfarandet
CN103384467A (en) High speed combined harvesting and planting management machine
US9769980B1 (en) Slurry applicator for an agricultural machine
US5860604A (en) Motorized fertilizer spreader
US4114815A (en) Apparatus for conninuting solids in liquids
US4231431A (en) Detachable harvesting unit
US20120032005A1 (en) Agriculture distribution system
US4653410A (en) Seed planter
EP0049330B1 (de) Verfahren zum Ausbringen von Saatgut, Herrichten eines Saatbettes und Gerätekombination zur Verfahrensdurchführung
CN201294760Y (zh) 秸秆粉碎还田型自走式玉米联合收获机
US8479911B2 (en) Movable conveyor for loading a container

Legal Events

Date Code Title Description
121 Ep: the epo has been informed by wipo that ep was designated in this application

Ref document number: 13830600

Country of ref document: EP

Kind code of ref document: A1

NENP Non-entry into the national phase in:

Ref country code: DE

122 Ep: pct application non-entry in european phase

Ref document number: 13830600

Country of ref document: EP

Kind code of ref document: A1